Rihanna chocada com a morte do primo: “Foi apenas ontem à noite que eu te segurei em meus braços!”

0
397

Após passar o Natal com a família, na ilha de Barbados, seu país de origem, a cantora Rihanna expressou seu estado de choque, revolta e tristeza para seus 59 milhões de seguidores nas redes sociais. Entre seus familiares, comemorou a data com um primo mais jovem, que acabou sendo assassinado horas depois.

"PIP primo... Não posso acreditar que foi apenas ontem à noite que eu te segurei em meus braços!, escreveu Rihanna em seu Instagram, postando uma série de fotografias ao lado de Tavon Kaiseen Alleynne, a quem ela chamava de “Pip”.

Rihanna esteve horas antes com o primo, assassinado por um homem ainda não identificado (Instagram)

Alleyne, de 21 anos, estava de férias e passava por uma estrada na área de Saint Michael, por volta das 19h desta terça-feira (26), quando foi abordado por um homem que atirou várias vezes nele. O jovem ainda foi socorrido por um carro particular, mas não resistiu aos ferimentos e morreu num hospital local.

Uma parente do rapaz, chamada Tanella, também publicou uma foto de si mesma (a primeira imagem) com o corpo já sem vida de Alleyne no hospital. Ela colocou um emoji de um anjo sobre o rosto dele. "Eu nunca pensei que chegaria o dia em que eu teria que enterrá-lo, meu amor. Este foi o nosso primeiro Natal juntos. Nós limpamos, nós decoramos e tudo! Tavon, eu sei que você estava tentando ser uma pessoa melhor! Eu te amo muito, muitohhhhhhhh, irmão!”, escreveu ela.

Em suas redes sociais, Rihanna pediu o fim das armas na Ilha (Instagram)

A polícia local está à procura por toda a ilha pelo o atirador que tirou a vida do primo de Rihanna. E pediu a qualquer pessoa informações para entrar em contato com as delegacias mais próximas.

No início deste mês, a polícia de Barbados havia informado que na ilha houve um aumento significativo nos crimes relacionados a armas, em comparação com 2016. Dos 28 assassinatos cometidos até agora, em 2017, 22 foram relacionados a armas, revelaram os números.

Barbados

Barbados está localizado no Caribe

Barbados, onde Rihanna nasceu, em 1988, é um país insular soberano nas Pequenas Antilhas, na América Central, sendo o país mais oriental do Caribe. Possui 34 quilômetros de comprimento e 23 quilômetros de largura, cobrindo uma área de 432 km². Situa-se na região ocidental do Atlântico Norte, distante 100 quilômetros a leste das Ilhas de Barlavento e do Mar do Caribe. Os países mais próximos da ilha são Trinidad e Tobago, estando a 400 quilômetros a sudoeste, e São Vicente e Granadinas, estando a 168 quilômetros a oeste. Barbados está fora da principal área de Cinturão de furacões.

A nação foi descoberta por navegadores espanhóis no final do século XV, entrando para o domínio da Coroa espanhola. Barbados é identificada pela primeira vez em um mapa espanhol de 1511. Os portugueses passaram a visitar a ilha a partir de 1536, mas não a ocuparam. O primeiro navio inglês a deslocar-se para a região, o Olive Blossom, chegou a Barbados em 1624. Eles tomaram posse em nome do rei James I. Em 1627, os primeiros colonos permanentes chegaram da Inglaterra, tornando Barbados uma colônia britânica.

Em 1966, Barbados tornou-se um estado independente e Reino da Comunidade de Nações, mantendo a rainha Isabel IIcomo chefe de Estado. O país tem uma população de 277 821 habitantes, a maioria de ascendência africana. Apesar de ser classificada como uma ilha do Atlântico, Barbados é considerada uma parte do Caribe, sendo um importante destino turístico e uma das ilhas mais desenvolvidas da região, com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,776, considerado elevado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Em 2011, Barbados ficou em segundo lugar na América (superada apenas por Canadá) no nível de Transparência Internacional do Índice de Percepção de Corrupção. A capital do país é Bridgetown, que é também sua maior cidade.